sábado, 19 de novembro de 2011

Se vai imitar, imite o que é bom.

O brasileiro adora imitar tudo o que o americano faz, e temos essa sociedade como modelo para a nossa, certo? Então me pergunto: por que os brasileiros só copiam as bobagens que eles fazem e deixam de lado os exemplos que os tornam uma organizada e avançada sociedade?

Por exemplo, podemos pensar sobre como o americano avalia se um presidente é suficientemente bom ou não. Não estou colocando aqui que o critério deles é impecavelmente correto, mas sem dúvida nenhuma é mais criteriosa.

Se reparamos no Brasil, podemos perceber que o critério para avaliar um presidente, (se é que realmente existe um), se baseia no seguinte: “se o nosso presidente não fez nenhuma grande besteira, então ele é bom”. Como assim?

Observando os EUA, vemos que eles são implacáveis quando algum presidente vacila ou comete um erro. Não é porque ele não participou (ainda) de um grande escândalo, que podemos classificá-lo como um bom representante para o nosso povo. Ora, vamos tirar bons exemplos dos americanos, vamos trabalhar bastante pra conquistar nosso espaço ao sol, usar a competitividade ao nosso favor, tentarmos ser melhores a cada dia.

Vamos esperar nossos presidentes se envolverem em escândalos para então tentarmos tirá-los do poder, ou vamos tentar cobrar aquilo que prometeram assim que sentarem na cadeira macia da presidência?

Nenhum comentário:

Postar um comentário