quinta-feira, 3 de março de 2011

Protesto de celebridades estrangeiras contra o plano do Brasil de destruir 600 acres de floresta.


Após tomarem conhecimento do plano do Brasil de destruir 600 acres de floresta amazônica através do projeto Belo Monte, chefes indígenas resolveram viajar até Londres a fim de pedir ajuda para que esse projeto não seja colocado em prática.
O chefe Almir Narayamoga Surui, da tribo Suruí, Ruth Buendia Mestoquiari, presidente da  central Asháninka do rio Ene no Peru e  Sheyla Yakarepi Juruna, da tribo Juruna; reuniram-se com Sting e Bianca Jagger, que resolveram apoiar a causa tentando chamar atenção para a violação dos direitos humanos. A violação não somente destruirá grande parte da floresta amazônica, como deixará vários nativos sem lar.
“Nessa voracidade por energia, o Brasil está agora colonizando outros países para produzir energia” – Disse Sting.
O governo brasileiro tem planos para mega-projetos no Xingu, Complexo Madeira, ambos na Amazônia brasileira. Existem 6 projetos, incluindo a Amazônia peruana, onde várias tribos indígenas tem vivido milhares de anos.
A delegação dos três líderes indígenas chamam a atenção para o Brasil e Peru procurarem resolver a questão da produção de energia, respeitando os direitos dos moradores dessas regiões que dependem dos rios e do ecossistema para sobreviverem.
Se você procura formas de ajudar, the Rainforest Foundation UK tem um ótimo web site com informações sobre os projetos e uma sessão chamada “what can you do”, ou o que você pode fazer, que oferece opções de voluntariado e donativos para ajudar a causa.




Nenhum comentário:

Postar um comentário